Esculturas de sucata são atrações em cidade do Rio de Janeiro

14 Março de 2013

Por Shirley Costa e Silva

Robôs, vaca híbrida, insetos gigantes e outros seres, que parecem ter saído de um filme futurista de ficção científica, habitam os arredores de uma casa localizada no final da Rua Dr. Antonio da Rocha Paranhos, no pequeno bairro de Fragoso, em Magé, no estado do Rio de Janeiro.

No entanto, os visitantes podem ficar tranquilos, porque as criaturas não atacam. Elas são frutos da imaginação do artista plástico Elias Martins, que descobriu o dom de transformar ferro velho em obras de arte, há 15 anos, enquanto trabalhava em uma serralheria. “Adoro ferro velho. Olho para uma sucata e já imagino o que posso fazer com ela, no que posso transformá-la”, disse Elias, explicando o seu processo criativo.

As obras, que ficam constantemente expostas do lado de fora da casa do escultor, viraram atração turística no bairro. “Sempre vem gente aqui tirar foto. Alguns trazem parentes para ver as peças”, conta o artista, que em breve disponibilizará alguns trabalhos no Barato Cultural.

Formiga de sucata

O que achou deste artigo?

Newsletter

Assine a newsletter e fique por dentro das nossas novidades!

Categorias populares